Vamos falar sobre Monitorização Neurofisiológica Intraoperatória (MNIO) - Phbr Medical | Insumos e Sistemas Neurofisiologia Clínica

Vamos falar sobre Monitorização Neurofisiológica Intraoperatória (MNIO)

//Vamos falar sobre Monitorização Neurofisiológica Intraoperatória (MNIO)

Vamos falar sobre Monitorização Neurofisiológica Intraoperatória (MNIO)

2021-03-17T09:39:02-03:0017/03/2021|

A monitoração neurofisiológica intraoperatória é um exame que tem como objetivo identificar durante o ato cirúrgico o funcionamento inadequado do sistema nervoso no decorrer da intervenção, cabendo ao especialista o planejamento e a execução dos exames escolhidos.

A prática teve início em países da Europa e nos Estados Unidos da América nos anos 1970, mas o surgimento de equipamentos melhores e mais acessíveis tornou possível a monitorização de múltiplos parâmetros neurofisiológicos. Como em diversas áreas dependentes da alta tecnologia, sua chegada ao Brasil somente tornou-se mais expressiva nos últimos quinze ou vinte anos.

A técnica inicia-se com o paciente sob anestesia geral, são colocados eletrodos que estimulam as vias neurológicas e registram potenciais, como por exemplo, os potenciais evocados motores, potenciais evocados somatossensitivos, potenciais evocados de tronco cerebral, eletromiografia e eletroencefalograma. Essas respostas são interpretadas pelo médico neurofisiologista e reportadas à equipe cirúrgica.

Esse exame é contraindicado em casos onde o paciente tem uso de marcapasso cardíaco, implante coclear ou de implante cerebral para estimulação profunda (DBS).

Clique aqui para conhecer nossa linha de produtos para Monitorização Neurofisiológica Intraoperatória (MNIO)